../../_images/cdu2.png

Definição de Mensagens Personalizadas

As mensagens personalizadas devem ser definidas no código DMSG e são utilizadas pelo Bloco ALERTA para emitir avisos durante a simulação no arquivo de relatório (OUT) e no log de mensagens de simulação (LOG).

Dica

Uma mesma mensagem pode ser utilizada por múltiplos blocos.

Para a utilização do comando DMSG, os seguintes campos podem ser preenchidos:

Lc

Número de identificação da mensagem

Mensagem a ser exibida

Mensagem a ser emitida por blocos ALERTA

Expressões Coringas

O Anatem dispõe de algumas expressões a serem utilizadas no código DMSG que possuem valor determinado durante a simulação, em função da localização do bloco. Essas expressões são úteis para a generalização das mensagens, permitindo que uma mesma mensagem seja utilizada em mais de um ponto do sistema, ao mesmo tempo em que apresenta razoável grau de detalhamento.

Estão definidas as seguintes expressões coringas:

Expressão

Significado

%vent%

Nome da variável de entrada do bloco

%nb%

Número do bloco

%nome_do_cdu%

Número do bloco

%ncdu%

Número do CDU

%trns%

Transição observada (“0 -> 1” ou “1 -> 0”)

Além dessas expressões que podem ser utilizadas, o Anatem sempre informa o instante em que a mensagem foi enviada. Por exemplo, o trecho de código a seguir produz a mensagem abaixo:

DMSG
(Lc)   ( Numero da mensagem
0001   Variável %vent% atingiu o limite superior (bloco: %nb%, CDU: %nome_do_cdu% /nº: %ncdu% )
999999
T=  1.6500s Variável Y4MAX atingiu o limite superior (bloco:   12, CDU: Bloco_Alerta /nº:      1 )

Note ainda que o texto a expressão coringa é substituída por uma string de igual tamanho. Ou seja, a expressão que substituirá %vent% sempre será de 6 caracteres, ainda o nome da variável original não apresente tantos caracteres.

Atenção

A expressão coringa é case sensitive. Ou seja, %VENT% não será interpretado pelo Anatem como a expressão coringa %vent% e será impresso de forma literal.

Utilização do bloco ALERTA

O valor informado no campo Lc do código DMSG se refere ao identificador utilizado nos parâmetros P1 e/ou P2 do Bloco ALERTA.

O Bloco ALERTA emite uma mensagem em duas ocasiões: quando o sinal de entrada transita de Falso (0) para Verdadeiro (1); e quando o sinal de entrada transita de Verdadeiro (1) para Falso (0). A transição 0->1 é regulada pelo preenchimento do parâmetro P1 e a transição 1->0 é regulada pelo preenchimento do parâmetro P2.

Para ambos os parâmetros, existem as seguintes possibilidades de preenchimento.

Parâmetro P1/P2 em branco: neste caso, a detecção da referida transição é desabilitada e nenhuma mensagem é emitida.

Parâmetro P1/P2 igual a 0: neste caso, é utilizada a mensagem padrão do programa.

Parâmetro P1/P2 maior do que 0: neste caso, é utilizada a mensagem definida previamente no campo Lc do código DMSG.

Quando um dos parâmetros está preenchido com 0, a seguinte mensagem é emitida na detecção da transição:

ALERTA: Detectada transição %trns% em %vent% no bloco %nb% do CDU %nome_do_cdu% de número %ncdu%.

É necessário que ao menos um dos parâmetros P1 ou P2 estejam preenchidos (com 0 ou valor superior).

Exemplo de Utilização

Para o sinal abaixo, suponha que dois blocos ALERTA estejam monitorando se os limites superior (Y4MAX) ou inferior (Y4MIN) de 0,5 e -0,5, respectivamente, foram atingidos pelo sinal Y4, conforme a figura a seguir:

../../_images/exemplo_default.png

Para este sinal, as seguintes mensagens foram emitidas por blocos ALERTAs com P1 e P2 iguais a 0:

T=  1.6500s ALERTA: Detectada transição 0 -> 1 em Y4MAX no bloco   13 do CDU Bloco_Alerta de número      1.
T=  5.0000s ALERTA: Detectada transição 1 -> 0 em Y4MAX no bloco   13 do CDU Bloco_Alerta de número      1.
T=  6.0500s ALERTA: Detectada transição 0 -> 1 em Y4MIN no bloco   23 do CDU Bloco_Alerta de número      1.
T=  9.0000s ALERTA: Detectada transição 1 -> 0 em Y4MIN no bloco   23 do CDU Bloco_Alerta de número      1.